Pré-lançamento e lançamento de imóveis

Pré-lançamento e lançamento de imóveis: qual melhor opção para investir em 2019?

Você sabia que existem diferenças entre as modalidades de investimento no pré-lançamento e no lançamento de imóveis? Leia aqui e entenda qual melhor opção.

Casar ou comprar uma bicicleta? Investir pré-lançamento ou lançamentode imóveis? Muitos questionamentos da vida moderna não tem uma resposta certa. Felizmente uma delas tem!

Seja para realizar o sonho da casa própria ou aumentar o patrimônio, investir em um imóvel deve ser uma decisão assertiva. E 2019 é o melhor ano para fazer isso!

O que os dados dizem

Nos últimos 2 anos, as vendas de imóveis subiram de forma consistente, principalmente o de imóveis prontos, abrindo oportunidade para novos lançamentos pelas construtoras.

O momento econômico favorável leva as empresas a colocarem mais produtos no mercado. E o ano de 2019 tem se tornado bem otimista para quem quer comprar um imóvel, veja no quadro abaixo:

Quadro otimista 2019

O que os especialistas dizem?

“A tendência é de crescimento, ainda mais considerando que teremos a entrada em vigor de algumas novidades, como o aumento do teto para a compra de imóvel com FGTS para R$ 1,5 milhão e a ampliação do Programa Minha Casa Minha Vida.” Gustavo Milaré

Em matéria recente para o Estadão, Milaré também destacou diversas razões que contribuem para este cenário otimista como a queda da inflação, a diminuição da taxa de juros e de financiamento e o crescimento do PIB nacional. Fatores que colaboram para o aumento no índice de confiança de empresários e consumidores.

“Quem esperar para comprar vai pagar caro.” Ricardo Amorim

Essa foi uma das impactantes frases de Amorim em uma palestra recente sobre o mercado imobiliário. Ele afirma que estamos na fase ascendente do ciclo econômico. Por isso, a oportunidade de investir é agora, durante a recuperação econômica do país.

“O Brasil entrou na fase de recuperação econômica há 8 trimestres. Quem continuar esperando a recuperação ficar mais firme e clara certamente vai perder a hora de investir.” Ricardo Amorim

Tem alguma dúvida que o mercado imobiliário só tende a crescer? O grande X da questão é saber aproveitar timing das oportunidades, pois quanto maior a demanda, maior o preço.

Tudo bem, decidi que quero investir em um imóvel, e agora?

Bem, agora vamos falar sobre duas modalidades conhecidas de investimento, mas que ainda causam uma certa confusão: pré-lançamento e lançamento de imóveis.

Pré-lançamento:

Fizemos um texto completo apenas sobre pré-lançamento de imóveis (você pode ler aqui). Mas vamos recapitular algumas informações importantes:

O pré-lançamento é a fase anterior do lançamento. O imóvel ainda está em fase de construção e não possui todos os documentos necessários para divulgação e comercialização das unidades.

Ele não tem um preço definido, por isso, é uma fase vantajosa para investimento. É quando compra-se o produto em uma melhor negociação por um menor preço.

Na prática, ele acontece com uma reserva e compra efetivamente acontece apenas no momento da assinatura do contrato de compra e venda, após a emissão do Registro de Incorporação.

Nesta modalidade é possível desistir do investimento até o momento da assinatura do contrato, sem qualquer ônus.

Lançamento:

Já o lançamento, ou mais conhecido como imóvel na planta, é um pouco mais rígido. Ao contrário do pré-lançamento, em que há uma manifestação de interesse, no lançamento acontece a assinatura do contrato de promessa de compra e venda do empreendimento em questão.

Ou seja, após o acordo de compra, você inicia o pagamento do imóvel e adquire a sua propriedade. Nesta fase não é possível desistir de negócio, caso isso aconteça, incidirão multas que podem variar entre 15% e 20% do valor do contrato.

Aqui o risco é maior, por isso, é muito importante conhecer o empreendimento e a unidade escolhida para que o investimento valha a pena.

Qual a melhor opção para investir?

Depois de entender melhor como funciona a dinâmica de cada modalidade é preciso avaliar o potencial de valorização do empreendimento. Existem ótimas opções em ambas, mas se o imóvel não for rentável você pode perder dinheiro.

Por isso, não tem caminho errado, em ambos o investimento deve ser bem planejado e a decisão embasada numa análise de mercado detalhada.

Mas existem algumas características específicas que podem facilitar a escolha. Por exemplo, se você já tem um bom relacionamento com a construtora e imobiliária, recebe informações exclusivas e não quer assumir um compromisso definitivo o investimento no pré-lançamento é a melhor opção.

Agora se você não tem 100% do capital necessário para comprar o imóvel mas vê o potencial de crescimento e valorização da região do empreendimento, o investimento no lançamento é a sua escolha.

E aí, entre pré-lançamento e lançamento de imóveis, qual da duas modalidades se encaixaria no seu perfil? Conte pra gente nos comentários!

Leave A Comment